quinta-feira, 29 de abril de 2010

Lua,Lua,Luas!


Estamos na Lua Cheia,heim? Ulálá, o frisson está solto! Sabe o que eu faço nas luas cheias a maioria das vezes?? Hohoho o horário me impede de contar! Brincadeiras à parte, confesso que nos últimos tempos eu não ligo muito para a Lua Cheia. Oooooooh mas você não é uma bruxa?? Pois é, mas sendo bruxa automaticamente sou livre, concordam?Já há uns bons dois anos eu não tenho aquele tremor por causa da Lua Cheia. Confesso que meu lance é a Nova e a Crescente, é ali naquelas noites que sinto várias coisas.Ontem eu estava conversando com uma grande amiga sobre isso e ela também me confessou que não é lá grandes coisas com a Lua Cheia. E bruxa ela também é? Seremos nós, bruxas do Paraguay?Seremos nós aberrações?


Segundo Mirella Faur no livro O Anuário da Grande Mãe, a Lua cheia “está ligada à mulher em toda a sua plenitude, ao potencial pleno da força vital. Ela corresponde ao crescimento e amadurecimento de todas as coisas, ao ponto culminante de todos os ciclos è semente germinada e à plenitude do caldeirão. Não há como crescer ou brilhar além: os projetos atingiram o seu auge.E mais: “ agradeça por sua colheita, pela culminação de seus planos e projetos.” Acho que é uma Lua de agradecer o que deu certo e o que deu errado porque aprendemos co m tudo nessa vida. Eu prefiro não acender vela afinal não quero competir com o brilho maravilhoso da Lua que bate no meu quintal,né? E só um incenso pra elevar a mente e agradecer. E na Lua Nova eu inicio um período delicioso e muito animado , empolgante mesmo. Opa!!Não confunda Lua Nova com Lua Negra heim? São coisas diferentes. Lua Nova é quando temos aquele fiozinho de luz no céu, que eu carinhosamente chamo de sorriso da Deusa!Como assim? Ééééé pessoas! Três dias antes da Lua Nova que está marcada no nosso calendário (aqueles tipo o da Caixa Econômica Federal!rssr) a Lua desaparece totalmente do céu, logo está “escura”. Tem certeza Iony? Tenho, pq aprendi observando céu, pode conferir! \o/

Eu sou mais de ciclos da terra do que da Lua...sou uma bruxa fora do comum! Porque desde que a Wicca (re)surgiu com o tal do Esbath me parece uma obrigação celebrar mil coisas na Lua Cheia..... sei não heim? E me parece que a mulher que não celebra a Cheia de X Y Z maneira, está “desconectada da Deusa”. Pois é, tem gente que pensa assim. Digo isso não desmerecendo quem faz Lua Cheia, mas sim alertando quem é novato ainda nesse tipo de ritualística ou até mesmo só se interessa, que as coisas não são bem assim. Acho na minha modesta opinião que não temos que celebrar essa ou aquela coisa, não é regra, é sugestão.Autonomia é palavra de ordem!Precisamos antes de mais nada nos respeitar, conhecer nossos ciclos que variam de pessoa para pessoa, de Luc para lua.Ler, meditar sobre o assunto, conhecer seu corpo, sua mente,sua alma, as almas da Lua e qual das fases coincide com os seus dias de poder. Simples como tudo nesse caminho deve ser!

2 comentários:

Helene Priscilla {Ἑλένη Καλλιοπη Ελευθέριος} disse...

bem legal, eu pessoalmente amo a lua cheia, mas o céu estrelado sem lua é especial tb.

Green Womyn disse...

Por que é que a gente vive seguindo manuaizinhos, hein?

Pra mim, a Lua Minguante é terrível, sempre. Ah, disso vc já sabe... (rs)