quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Cozinha!!!



Sim, Senhoras e Senhores, está que escreve é apaixonada por cozinha.Há muito tempo eu penso em escrever algo relacionado a isso,tentando fugir da pieguice que vemos por aí.Ok..eu tenho um lado romântico (creia!!!) que adora comadrices de cozinha.Mas enjoa né? Todo lugar é tudo sempre igual... Então eu vou tentar (veja bem é tentar MESMO...não sei vai dar certo) sem muita pretensão,construir aqui de quando em vez,alguma coisa útil,divertida referente ao ato de cozinhar e afins.Não sei bem como,mas...vamos tentar né? Começo com um artigo muito,muito útil para quem curte cozinha mas pensa um pouco além das panelas e temperos.

11 dicas para ter uma cozinha sustentável

A cozinha é um dos lugares onde grande parte da energia doméstica e recursos são usados. Pensando nisso, o CicloVivo separou algumas dicas úteis sobre como ter uma cozinha ecologicamente correta, diminuindo o consumo e criando hábitos mais sustentáveis.

Plante seu jardim: se você tem espaço para plantas, plante uma horta em seu quintal. Você terá alimentos frescos e orgânicos.

Reutilize água: quando você lava lentilhas, arroz e legumes, guarde a água e use-a para regar suas plantas. Desta forma, elas vão obter nutrientes extras.

Mergulhe os grãos: mergulhe grãos como lentilhas, arroz e feijão algumas horas antes de cozinhar. O alimento utilizará menos gás e tempo para ser preparado. Não se esqueça de tampar a panela enquanto cozinha, a dica é usar uma panela de pressão.

Substitua o guardanapo: guardanapos de pano podem ser reutilizados em vez de usar guardanapos de papel.

Desligue o aparelho de microondas: quando não estiver em uso, desligue da tomada aparelhos, como o microondas, forno, processador de alimentos, entre outros. Isso reduz a "energia vampirizada” e pode gerar economia de 5% na conta de eletricidade.

Use criteriosamente os aparelhos: evite usar processadores de alimento se você pode usar a faca. Também não basta empurrar alimentos direto da geladeira para o forno, deixe descongelar um pouco antes de colocá-lo para cozinhar. Não pré-aqueça o forno mais do que o necessário. Faça o melhor uso possível, para isso, cozinhe mais de uma coisa ao mesmo tempo, por exemplo.

Olhe a eficiência: atente para o selo de eficiência energética do Procel ao comprar aparelhos novos ou substituir os velhos.

Use lâmpadas fluorescentes compactas: elas vão durar cerca de 15 vezes mais do que as lâmpadas tradicionais, além de consumir até 75% menos energia.

Máquina de lavar louça: use a máquina só quando estiver cheia e pule o ciclo de secagem com ar quente, deixando os pratos secarem sozinhos.

Sobras: não coloque as sobras de comida na geladeira enquanto ainda estão quentes. Isso eleva a temperatura interna do aparelho, consumindo mais energia. Em vez disso, deixe chegar à temperatura ambiente antes de refrigerar.

Limpeza: encontre substitutos ecológicos para os produtos de limpeza químicos. Pulverize as bancadas com água da torneira, em seguida, limpe com uma toalha de microfibra para eliminar 97% dos germes e bactérias. Para alcançar uma limpeza mais profunda, limpe com álcool, que mata 99,9% dos germes.

Redação CicloVivo


4 comentários:

Daniel disse...

O ato de deixar os grãos de molho vai muito além de facilitar o cozimento. Este processo faz com que os grãos dresprendam substâncias que cuidam da proteção natural das sementes, e que se ingeridas agem como antinutrientes.

PriGaia disse...

Então tô fazendo tudo direitinho... pq já faço isso normalmente =D

Iony disse...

Oi Pri!!Que bom te ver aqui e saber que vc sabe das coisas!!\o/

Dani...eu não sabia disso,muito bom heim?

Beijos!

Juliana disse...

Adorei as dicas! Também amo cozinhar e tenho procurado cada vez mais trazer consciência ambiental para o cotidiano.

Adorei os posts sobre as deusas, pena que perdi o sorteio! ; )

Voltarei mais vezes!